Prefeitura de Itapecerica da Serra gasta em asfalto e reduz custos na saúde

0
66
Mesmo com aumento grande de gastos com pavimentação, o estado precário da Estrada
do Godói no bairro Potuverá e em diversas ruas de Itapecerica continuam atormentando e
prejudicando a população – Foto: WhatsApp Hoje

O Jornal Hoje, dando sequência nas análises dos dados coletados no Portal da Transparência da Prefeitura de Itapecerica da Serra, apresenta mais um dado que vai contramão da realidade da cidade: maior gasto com pavimentação asfáltica e serviço precário e a redução dos gastos na área de maior necessidade da população: a saúde.
Entre os problemas mais comuns e que tiram o sossego da população de Itapecerica da Serra é a má conservação do sistema viário da cidade, com a quantidade excessiva de buracos. Grandes ou pequenos, rasos ou profundos, os buracos estão em várias regiões do município, como a Estrada do Godói localizada no bairro Potuverá que apresenta péssimas condições e atormentam os moradores, motoristas e pedestres que passam pelo local, aumentando o risco de ocorrência de acidentes, além dos estragos nos veículos.
De acordo com o Portal da Transparência, em 2017, o montante gasto em Infraestrutura com os serviços de Pavimentação de Estradas Municipais e Vias Públicas foi de R$ 15.220.900,00, ou seja, R$ 11 milhões a mais do que o ano de 2016 onde o gasto com os mesmos serviços foi de R$ 3.822.926,00.
E na contramão das necessidades essenciais de Itapecerica da Serra, mesmo com a grande demanda, foram reduzidos R$ 2 milhões, segundo o portal da Transparência da Prefeitura de Itapecerica da Serra, os gastos com a assistência à saúde. Em 2016 a prefeitura gastou R$ 79.5577.314,00 em saúde contra R$ 77.529.362 em 2017, ou seja, uma redução percentual de menos 3%.

Prefeitura não responde
Não recebemos resposta da prefeitura municipal de Itapecerica sobre onde foram investidos os mais de R$ 15 milhões gastos em 2017 com pavimentação, quais foram os bairros e ruas que receberam as obras, até o fechamento da matéria.

Buracos da Sabesp
Outro problema apontado pelo Legislativo da cidade, além da ausência e precariedade do serviço de conservação viária, é os buracos provenientes de obras da concessionária Sabesp que não são devidamente tampados ou que demoram muito tempo para serem tampados.

Propaganda

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*