Pacientes acamados estão sem receber “Kit Curativo” da prefeitura e apelam para doações

0
391

De acordo com as denúncias feitas pelos parentes dos pacientes, o atraso já chega há dois meses

Tiago Saraiva espera "Kit Curativo" que não chega há 2 meses
Tiago Saraiva espera “Kit Curativo” que não chega há 2 meses

Os familiares de pacientes acamados de Taboão da Serra reclamam que desde o mês de julho não conseguem retirar o “Kit Curativo” na UBS do Jardim Record.

“Esse “Kit Curativo” é muito importante para o meu irmão. São gazes, equipo, frasco de dieta especial, luva descartável e outros itens que não temos como comprar. E quando chegamos lá no posto eles apenas falam que não tem. É um absurdo. Nós que dependemos desses materiais fazemos, acabamos ajudando uns aos outros, vamos doando uns para os outros, porque se depender da prefeitura, não teremos nada”, reclamou Ednalva (Pituca) a irmã do paciente acamado Tiago Manuel Saraiva, de 32 anos, moradora do Jardim Mafalda.

A mãe da pequena Vitória Tenório de Lima de 10 anos, Silvelena Lourenço de Lima Tenório, moradora do Jd. Trianon também relata a dificuldade de retirar o “Kit Curativo” e também fraldas geriátricas. “Meu marido está desempregado e não temos condições nenhuma de pagar este kit e nem as fraudas que são muito caras. Ligamos hoje para a Secretaria de Saúde e a resposta que eles deram pro meu marido é que já foi feito a compra, mas nada de chegar no posto, é muito complicado. Temos que ficar pedindo doações, porque pagar, não conseguimos”, relatou ao Jornal Hoje em notícias.

O Jornal Hoje questionou a prefeitura através da assessoria de imprensa do motivo do atraso e quando a situação será normalizada e apenas recebeu a resposta que o caso foi encaminhado à secretaria de saúde.

Dietas especiais continuam com entregas atrasadas
No mês de julho, o jornal Folha do Taboão divulgou o grave problema vivenciado pelo jovem Tiago Saraiva com a falta da entrega da Dieta Especial, produto essencial para a sobrevivência do paciente acamado e, novamente, Ednalva (Pituca) relatou ao Jornal Hoje que os problemas com entrega continuam.
“Era para eu ter retirado a Dieta no dia 10, hoje já é dia 21 e ainda não chegou. E agora eles também não estão me entregando a quantidade que eu recebia que eram 30 unidades, me deram no mês passado só 25. Eles tem que resolver isso, é um caso de vida, se não nos atenderam a prefeitura estará sendo negligente com uma vida”, desabafou.
A prefeitura de Taboão da Serra até o fechamento da matéria não retornou sobre o motivo dos problemas com a entrega da Dieta Especial.

Propaganda

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*