Manifestação na Régis Bittencourt bloqueou rodovia nos dois sentidos

0
438
Manifestação parou a rodovia Régis Bittencourt nos dois sentidos. O congestionamento chegou a dois quilometros - Foto Rose Santana Otaboanense
Manifestação parou a rodovia Régis Bittencourt nos dois sentidos. O congestionamento chegou a dois quilometros  Foto Rose Santana Otaboanense

 

Ato aconteceu na manhã de domingo, 13, a principal reivindicação é a construção de um viaduto

A rodovia Régis Bittencourt, altura do município de Taboão da Serra ficou bloqueada, nos dois sentidos por uma hora na manhã de domingo, 13, por manifestantes que reivindicam um viaduto na rodovia federal. Cerca de dois mil manifestantes, boa parte deles membros do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) de Taboão da Serra mantiveram as duas pistas bloqueadas. O movimento pacífico, sem violência causou um trânsito de aproximadamente dois quilômetros nos dois sentidos. Os manifestantes marcharam na rodovia desde a altura do Jardim Salete até o local do ato.

De acordo com a Autopista, concessionária que administra a rodovia Régis Bittencourt, no momento da manifestação o tráfego ficou parado entre o km 279 e 277, sentido São Paulo. E na pista sentido Curitiba, entre o km 275 e 277 e contou com o acompanhamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A manifestação quer reforçar o pedido de uma alça de acesso e retorno, na altura do quilômetro 276, da rodovia. Assunto muito discutido entre as cidades de Embu das Artes e Taboão da Serra. O retorno no local atende quase 70% dos moradores de Taboão da Serra e parte da população do limite com Embu das Artes.

O líder do movimento, Paulo Félix disse que o ato foi vitorioso e que teria recebido uma ligação para participar de uma reunião em Brasília para tratar do assunto.

Todos os manifestantes comemoraram sem moderação quando Paulo Félix anunciou num microfone que acabava de receber a ligação com o convite. A reunião, segundo Paulo Félix, acontecerá ainda nessa semana para tratar da construção do viaduto com a ANTT e representantes do governo federal e uma comitiva de prefeitos da região.

Félix disse que foi convidado para representar o MST e que terá todo o custo da viagem paga. Pouco tempo depois o grupo que marchou na rodovia e se dispersou.

Propaganda

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*