Embu das Artes terá o Primeiro Simpósio de Economia Verde

As inscrições podem ser feitas pelo site da Sociedade Ecológica Amigos de Embu

0
72

Em homenagem ao dia nacional do meio ambiente, comemorado em 05 de junho, a cidade de Embu das Artes, localizada na região oeste da Grande São Paulo, pertencente à Reserva da Biosfera do Cinturão Verde de São Paulo, sediará o I Simpósio de Economia Verdecom palestras, workshops, debates e apresentação de profissões que geram riqueza e empregos com a preservação do meio ambiente. 

De olho no futuro e alinhada com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas, a Sociedade Ecológica Amigos de Embu (SEAE), realiza o evento nos dias 05 e 09 de junho (terça-feira e sábado) para nortear os cidadãos e futuras gerações quanto às possibilidades de desenvolvimento sustentável e, assim, colaborar para amenizar problemas de ordem social, econômica e ambiental na região. Serão abordados temas como: produção de mel de abelhas sem ferrão(nativas), cultivo de frutas nativas de mata atlântica, turismo rural, entre outros. 

“A cobrança de IPTU em propriedades “rurais” não reconhecidas pelos planos diretores, que muitas vezes são pequenas florestas particulares e não têm produção agrícola, tem causado a expulsão de populações menos favorecidas e aberto espaço para grileiros e especuladores imobiliários. Urge capacitar esses moradores em formas de gerar renda de maneira sustentável, para que possam manter a mata nativa, suas propriedades e, por que não, atrais mais pessoas para uma economia verde em um círculo virtuoso”, comenta Rodolfo Almeida, ambientalista e presidente da SEAE. 

Segundo relatório recente da Organização Internacional do Trabalho (OIT), o setor de economia verde deve criar cerca de 24 milhões de postos de trabalho até 2030, sendo 3 milhões nas somente nas Américas. No entanto, o relatório também aponta para a necessidade de capacitação e políticas de transição da economia comum para economia sustentável, que melhora a qualidade de vida e tem potencial para redução da pobreza. 

As inscrições para o evento são gratuitas e podem ser feitas pelo site da SEAE: www.seaembu.org 

QUANDO 
05/06, terça-feira, das 08h às 12h e das 14 às 17h;  
09/06, sábado, das 08h às 12h  

ONDE:  
05/06 no Teatro Popular Solano Trindade;  
09/06 na Câmara de Vereadores de Embu das Artes 

INSCRIÇÕES E MAIS INFORMAÇÕES: www.seaembu.org | 11 4781.6837 

SOBRE A SEAE 

Criada por moradores na metade da década de 70, a SEAE atua na preservação ambiental de Embu e região, para estimular e ampliar os processos de transformação socioambiental, cultural e econômica, por meio de processos educacionais participativos e inclusivos, fomentando a atuação em políticas públicas, visando a conservação, recuperação e defesa do meio ambiente. 

Propaganda

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*